Educação Ambiental: 5 planos de aula para trabalhar reciclagem e reaproveitamento em casa

0
POR:

Lucas Santana
Crédito: Getty Images

Quais os impactos da ação humana no meio ambiente? As mudanças climáticas são apenas um dos exemplos das graves consequências do descaso com a questão ambiental. A Educação Ambiental tem como objetivo formar sujeitos conscientes que busquem construir hábitos de conservação e preservação dos recursos naturais.

Noções básicas relacionadas ao tema, como conceitos de ambiente, natureza e a nossa relação com o planeta podem ser adquirida desde os primeiros anos da vida escolar. “Os educadores podem contribuir para a Educação Ambiental já na primeira infância, especialmente ao promover um encantamento com a natureza e a vida”, explica Marcos Sorrentino, coordenador do Laboratório de Educação e Política Ambiental do Departamento de Ciências Florestais da Universidade de São Paulo (USP).

Tanto no caso dos pequenos, quanto das crianças do Ensino Fundamental, Sueli Furlan, chefe do departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP indica que se evidencie as relações com o meio ambiente. “É importante que os alunos percebam que tudo é natureza, que não existe dicotomia, e que nela todos dependem de todos”, afirma a educadora.

Geração e descarte de resíduos sólidos (ou do lixo) é um tema que permite aos alunos refletir sobre o impacto do consumo e descarte na natureza. “No trabalho com resíduos sólidos é fundamental conhecer o efeito do descarte inadequado para os seres vivos”, afirma Sueli. De acordo com a especialista, atividades com esse enfoque podem ajudar no entendimento do impacto ambiental, maior conexão com a natureza e sensibilização ambiental. “Esse objetivo é bem cumprido por muitos professores que trabalham tema da fauna e flora. Mas, quando pensamos em recursos naturais, é mais difícil”.

Mas há muitas possibilidades de atingir o objetivo de conectar descarte com proteção ambiental. Esse trabalho pode ser feito de maneira criativa, por meio da adoção de jogos de classificação de tipos de materiais, trabalho com texturas, vivências em casa ou ao ar livre. Se os alunos já tiverem experiência com o assunto, vale a introdução de conceitos como os 5 Rs (Reduzir, Reciclar, Reaproveitar, Recusar e Repensar). As propostas devem estar relacionadas à realidade dos alunos. “Podemos contribuir para a formação de um ser humano mais consciente e ciente de seus papéis e responsabilidades como cidadão”, explica Luciana Provenzano, consultora de projetos do Grupo TAO Educação, Comunicação e Sustentabilidade.

O que é a reciclagem?

É o processo industrial de coleta, separação e transformação de resíduos descartados corretamente em novos produtos. “Reciclagem não se faz na escola. Ela ocorre na indústria. Os trabalhos que se fazem na escola dizem respeito a classificação e separação dos materiais; redução do uso de recursos naturais através do consumo responsável e também o reuso através de oficinas maker”, alerta Sueli.

O tema é possível de discussão e estudo tanto em sala de aula quanto em casa. Que tal puxar uma conversa sobre o lixo que produzimos? Para inspirar seu trabalho, confira uma lista de cinco planos de aula da NOVA ESCOLA para serem aplicados a distância sobre resíduos e reaproveitamento:

Conscientização Ambiental (Geografia – 3º ano)

Que forma melhor de pensar o nosso impacto no mundo do que avaliar o lixo que produzimos em casa? Este plano de aula desenvolvido pela professora Beatriz Gomes tem como objetivo permitir que os alunos do 3º ano do Ensino Fundamental façam uma campanha de conscientização ambiental sobre a quantidade de lixo gerado e reflitam sobre como desenvolver atitudes mais responsáveis.

A proposta pode ser adaptada para ser realizada a distância. A partir da realidade das crianças, as estimule a explorar a sua casa e perceber o lixo produzido no  ambiente doméstico. Na aba #NovaEscolaEmCasa do plano de aula, encontrará mais detalhes de como adaptar a proposta.

Recicláveis e não-recicláveis (Ciências – 1º ano)

A identificação e separação dos materiais estão entre as etapas iniciais do processo de reciclagem. Neste plano de aula, a professora Helisabety Mendes propõe que os alunos de 1º ano do Ensino Fundamental identifiquem o que é reciclável e o que não é. A atividade pode ser trabalhada em casa com o próprio lixo doméstico.

Com apoio das famílias, as crianças podem utilizar o WhatsApp para compartilhar as experiências e conversar sobre o assunto. Na proposta também é possível incluir a produção de brinquedos com materiais que seriam descartados no lixo. Para saber mais sobre a adaptação da atividade, confira a aba #NovaEscolaEmCasa.

Pesquisar planos de aula para usar a distância

Reutilização e recuperação de objetos (Ciências – 1º ano)

É hora de colocar a criatividade a favor da reutilização de materiais. A proposta deste plano de aula é incentivar que os alunos do 1º ano do Ensino Fundamental criem objetos a partir de embalagens de papel, vidro, plástico, metal, isopor e CDs.

A atividade pode ser realizada a distância. Com apoio da família, as crianças podem coletar os resíduos que seriam jogados fora para criar o objeto. Os resultados e a discussão sobre o assunto poderiam ser compartilhados por WhatsApp. Para saber mais, acesse a adaptação do plano de aula.

O descarte do lixo orgânico (Geografia – 3º ano)

No processo de separação dos materiais, identificar o lixo orgânico é uma etapa essencial. Nesta atividade o objetivo é perceber os diferentes usos do lixo orgânico, a importância do descarte correto e os problemas causados pelo consumo excessivo. A aula é destinada aos alunos do 3º ano do Ensino Fundamental.

Com as crianças em casa, proponha que elas investiguem a quantidade de lixo orgânico produzido em casa e como seria possível reduzir os resíduos produzidos. Se quiser saber mais, confira aqui.

História do reaproveitamento e da reciclagem dos materiais ao longo do tempo (História – 5º ano)
Neste plano de aula a professora Izabela Lopes sugere que os alunos do 5º ano conheçam a história da reciclagem e do reaproveitamento. A proposta pode ser adaptada para o ensino remoto. Um caminho possível é propor que as crianças façam uma investigação dessas histórias. Saiba mais aqui.

 

FONTE: https://novaescola.org.br/conteudo/19310/educacao-ambiental-em-casa-5-planos-de-aula-para-trabalhar-reciclagem-e-reaproveitamento?utm_source=pushalert&utm_medium=push_notification&utm_campaign=pushalert_campaign